terça-feira, 2 de outubro de 2007

Mão em forma de conchinha para tentar esconder o sorriso no canto da boca, com o olhar malicioso e excitado. Com voz entusiasmada e contida anuncia a boa:
- Olhem que gato aqui do lado!!!!!!!!! ( virando o olho para esquerda)


Todos se ouriçam, se ajeitam desfarçadamente, passam mão no cabelo discretamente. Sensualidade aflora, os olhos brilharam todos com a mesma intensidade. [Apesar de todos estarem ali sozinhos por que querem. Decisão propria "Hoje sou de meus amigos"]. Viram a cabeça um a um e não tiram o olho.
A expectativa criada dá lugar a um semblante interrogativo, surpreso, frustrado e irônico.

- ah! É um bichano esparramado no chão. ( Golando todo o liquido do copo).




"o que vc está fazendo assim? Milhoes de vasos sem nenhuma flor..."


4 comentários:

Anne Louise disse...

Oi,querida
Obrigada pela visita..Adorei seu blog!seu jeito de escrever e seus posts...
Volte sempre!
Bjs

Patrícia disse...

A possibilidade de algo - novo e bom - estar pertinho sempre nos causa uma paralisia momentanea, seguida de uma preparação do corpo e da alma e por final de uma lançamento de olhar que consiga captar todo o objeto de desejo.

Mesmo que seja um bichano (e olhe que eu odeio...)

Cafeína disse...

ainda usa-se gato para um pretendente a messias??? rsrs

Isa Dora disse...

Hauhauhauahuahau

Essa foi muito legal, viu?

E eu tbm tô nessa de: "hoje sou dos meus amigos".

Um beijo, linda.