domingo, 14 de junho de 2009


Me perdi no meio de tanta boca. Sem procurar achei seus olhos. Sorriu pra mim e fugiu segurando minha mão.

Nas noites que vieram tudo foi estrela. Você desperta, você dormindo profundamente. Meus passos se medem através do caminho para seus olhos. E tudo ao meu redor é livre. Exceto meu ventre. Seu e para você.

Te espero todo fim de tarde com um espinho da rosa achada. Teu presente. Você pega de minha mão , guarda e leva para dentro. Eu acho que amo tudo que você me mostra. E meu maior medo é achar que você me ama. Assim, com uma rosa no peito...e espinho em tudo ao redor de mim.
Essa ilustração é de Niltim

3 comentários:

▒▓█► JOTA ENE ® disse...

" Mô Blog es Tu Blog. Sintam-se à vontade. E podem até fazer comentário."

Não sei como vim parar aqui, uma vez que me senti bem ao lendo alguns post's, passei só p'ra deixar um olá.

Alice disse...

Gostei da ilustração.

PatSodré disse...

É impressão minha ou tu tá apaixonada???
:O

gostei da ilustração [2]