domingo, 17 de julho de 2011

descontrole



de repente me ocorre uma alegria descontrolada. um riso caído sobre mãos desastradas. e me vem o gesto sem medida de quando eles correm. já começo a correr sem destino. e começo lutar como em batalhas. sou mais fácil do que desenho animado. e me animo toda em poder desenhar. de repente corre essa alegria e eu fico controlada. sem riso certo na boca miúda. sem nada perto de qualquer ação. junto tudo e fico parada, como um decalque num papel rolando no chão.

4 comentários:

daniayres disse...

quero sempre essa alegria descontrolada. Amei esse texto. =)

Larissa Santiago disse...

"mais fácil que desenho animado" como se fosse difícil não rir com as cataratas de niágara!

Manu disse...

A alegria fala por si só, não há o que ser explicado, é apenas alegria. Mas a euforia passa, né?

IAJAFIR disse...

Muito forte, com direito até de trocadilho pelo meio.
Bjosss