segunda-feira, 9 de abril de 2012

Melhor amiga


Dentro da moça mora uma moça só.

Ela é maior do que o maior sentimento. Lá dentro, sai montada em seu cavalo e remonta meio mundo.
Cá fora a moça carrega um pote cheio. E toda noite pinga um ponto. É final.

Uma só e com problemas. Desmantelo.
Uma e a outra. Sem querer sair, nem entrar. Duas ligadas optando.

Uma moça final e sem amiga. Dia e noite se derramando.

3 comentários:

Kinha disse...

Só!

Manu disse...

como é ruim tentar ser suficiente para si mesmo

Notas para voar disse...

Quem se derramou foi eu!